Quarta-feira, 17 de Julho de 2013

Pensou, aconteceu! Você é responsável pelo grau de intensidade e a qualidade da energia.

{#emotions_dlg.sol}A partir do que você pensa, algo é certo: captou algo no Astral ou acabou de plantar a semente de novos acontecimentos. 

 

 

 

 

 

Segundo a teosofia formas-pensamento são criações mentais que utilizam a matéria fluídica ou matéria astral para compor as características de acordo com a natureza do pensamento. Deste ponto de vista, encarnados e desencarnados podem criar formas-pensamento, com características boas ou ruins, positivas ou negativas. As formas-pensamento são supostamente criadas através da ação da mente sobre as energias mais sutis, criando formas que correspondem a natureza do pensamento gerado. 

 

 

 

 

Cada pensamento produz uma forma. Quando visa uma outra pessoa, viaja em direção a essa. Se é um pensamento pessoal, permanece na vizinhança do pensador. Se não pertence nem a uma, nem a outra categoria, anda errante por um certo tempo e pouco a pouco de descarrega, se desfazendo no éter.

Cada um de nós deixa atrás de si por toda parte onde caminha, uma série de formas-pensamentos. Nas ruas flutuam quantidades inumeráveis. Caminhamos no meio deles.

 

O tempo de duração desta imagem dependerá da intensidade e também da clareza do pensamento. Além disso, essa imagem é inteiramente real e poderá ser vista por aqueles que tenham desenvolvido suficientemente a visão de seu próprio corpo mental Do mesmo modo como ocorre com os objetos, quando pensamos em um dos nossos semelhantes, criamos em nosso corpo mental o seu retrato miniaturizado.

Quando o nosso pensamento é puramente contemplativo e não encerra um determinado sentimentocomo a afeição, inveja ou a avareza, nem um determinado desejo, como por exemplo, o desejo de ver a pessoa em quem pensamos, o pensamento não possui energia suficiente para afetar sensivelmente essa pessoa.

O tipo de pensamentos tratados acima são os que nascem da mente sem nenhuma premeditação.

Existem, porém, forma-pensamento elaboradas intencionalmente com o fim de auxiliar os outros. São peculiares aos benfeitores da humanidade. Pensamentos vigorosos, dirigidos inteligentemente, podem constituir um grande socorro para quem os recebe. São verdadeiros anjos da guarda; protegem contra a impureza, a irritabilidade, o medo.

Sugestão de Leitura:
FORMAS DE PENSAMENTO - A. Besant e C.W. Leadbeater 
27 Pranchas em côres  Pensamento - 138pg{#emotions_dlg.lua}

oficinadabruxa@terra.com.br 

http://www.olx.com.br/userlistings/BRUXAPOA


publicado por Ana Romero às 20:05
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 18 de Março de 2013

As Energias Soltas no Ar...Valorize sua Qualidade!

Energias Soltas
Final de Ano é passagem de ciclo. O Neo Paganismo comemora em Outubro aqui no Hemisfério Sul, mas estamos envolvidos no clima de Natal e Revellion e isso estabelece campos energéticos mais forte pela força concentrada dos pensamentos.  
Energia do organismo e a sua volta

Misturam-se sentimentos, emoções, saudades, frustrações, alegrias, realizações, tristezas. Isso pode-se acumular de forma desarmonizada, grosseiras, nos lugares onde as pessoas vivenciam essa emoções, seja, em casa, no trabalho, na escola e no próprio organismo.

Energia Grosseira

É muito bom detctá-los e verificar a qualidade da energia para reforçar as boa vibraçoes e transmutar as mais densas. E isso pode-se fazer através de recursos da Radiestesia.
Limpando com o Pêndulo
A limpeza física dos ambientes seguidas da limpeza astral é uma ação simples e poderosa para reiniciarmos novos ciclos ou mesmo fazer a manutenção dos bons fuidos.
Radiestesia é como chamamos a arte de manejar um pêndulo ou uma vara para descobrir o que está oculto. A Radiestesia consiste em sentir vibrações  através de uma vara bifurcada ou um objeto oscilante pendurado por um fio.
Radiestesia
Inicialmente era usada para encontrar água, mas se mostrou muito eficiente para descobrir jazigos de metais preciosos e logo sua técnica se popularizou, sendo que sua utilização se ampliou para diversas áreas.
Um dos instrumentos mais fáceis de se utilizar para medir as energias são os pêndulos.

 Pêndulo

O pêndulo nada mais é do que um objeto suspenso por um cordão, preso pelos dedos indicador e polegar e que, de acordo com a interpretação de suas oscilações, é possível se obter respostas determinadas. Movimentos circulares em sentido horário normalmente significam “SIM” e movimentos em sentido anti-horário “NÃO”.

Limpeza

Com esses instrumentos é possível fazer a limpeza física dos ambientes seguida da limpeza astral. É uma ação simples e poderosa para reiniciarmos novos ciclos ou mesmo cuidar da manutenção dos bons fluídos.

Bons pensamentos

Os bons pensamentos, os sentimentos adequados; estar vigilante de si mesmo, das atitudes, das palavras, são importantes para atravessar ciclos. 
Existem bons livros que podem auxiliar nessa prática disciplinado e ajudando a manter o pensamento livre e aberto para o aprendizado e a prática dos rituais diários para vencer obstáculo, mudar de ciclos e preparar um um bom viver.

O Equilíbrio Da Energia Está No Salto Do Tigre - Cavalcanti


Energias - Pêndulo


 

Como utilizar os Cristais e a Energização para Abrir os Canais de Contato com as Energias Cósmicas que nos Protegem. 

Editora Objetiva - 101pg

 

Virgínia Cavalcanti, jornalista, astróloga e mulher de rara sensibilidade, chegou às práticas de energização e utilização dos Cristais quase por acaso. A partir daí, soube unir o profundo conhecimento adquirido à narrativa agradável, resultando neste livro que desmistifica "esoterismos" e revela o caminho para os contatos com as energias cósmicas que nos protegem. ...O SALTO DO TIGRE nos pega na intimidade. O conhecimento das técnicas que Virgínia nos passa nos traz tranqüilidade e confiança.

 

DADOS DO LIVRO: Brochura, capa flexível. Folhas fixas. Texto e gravuras íntegros, miolo em ótimo estado de conservação.



Livros das Energias e da Criação
LIVRO DAS ENERGIAS E DA CRIAÇÃO - Rubens Saraceni.

A base energética da criação.

Inspirado por Pai Benedito de Aruanda - Psicografado por Rubens Saraceni.

Madras - 2010 - 320pg.

Este  livro trata de um dos maiores mistérios divinos: a vida em si mesma e as múltiplas formas em que ela se apresenta. O Mestre Mago Rubens Saraceni mostra que o mistério criador de Deus transcende tudo o que imaginamos, porque o Criador é inesgotável na sua criatividade e é capaz de pensar formas que fogem à  imaginação humana, por mais criativos que sejam os seres humanos.

A criação divina é um todo interdependente, e os meios existem para  sustentar a vida em seu sentido  mais amplo, que engloba todas as formas de vida, com todas necessitando de algum tipo de alimentação energética para viver. E, por mais que o espírito humano evolua e alcance outros níveis de criação, novos meios e formas de alimentação energética estarão à sua disposição para que continue a viver, mistério esse recebido de Deus no momento em que foi criado por Ele.

Aqui, o leitor encontrará uma abordagem hermética sobre o Mistério dos Tronos de Deus, as irradiações divinas ou Sete Linhas da Umbanda, a simbologia divina gerada pelos fatores energéticos, ondas vibratórias, signos mágicos e outros temas que envolvem as energias da criação.

DADOS DO LIVRO: Brochura, capa flexível, folhas fixas, texto íntegro, miolo em ótimo estado de conservação.


Bruxapoa logo

publicado por Ana Romero às 12:13
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 2 de Outubro de 2012

OUTUBRO...COMEMORAMOS BELTANE, NA RODA DO ANO! RENOVAÇÃO PARA TODOS!

{#emotions_dlg.lua}SABATS E ESBATS




"Esbat" é o nome de cada uma das celebrações mensais, no primeiro dia da Lua Cheia ou da Lua Nova de cada mês. Nestas datas são celebrados os ciclos lunares;  Nos Esbats são celebrados os ciclos da Deusa, em seus três aspectos: Donzela, Mãe e Anciã (Crescente, cheia e Minguante). 



"Sabbat" são cada um dos 8 grandes festivais solares que acontecem anualmente e que caracterizam a Roda do Ano das Bruxas.

São belas cerimônias religiosas derivadas dos antigos festivais que celebravam, originalmente, a mudança das estações do ano. Os Sabbats, também conhecidos como a "Grande Roda Solar do Ano" e "Mandala da Natureza", têm sido celebrados sob formas diferentes por quase todas as culturas no mundo. São conhecidos sob vários nomes e aparecem com freqüência na mitologia.




Durante os Sabbats são celebrados, em grupo ou solitariamente, os ciclos do nascimento, maturidade, morte e renascimento do Deus, e sua profunda relação com a Deusa.




Sabbat não é sinônimo de missa negra. É um pensamento extremamente errado. Não é usado nenhum símbolo ou objeto cristão. Nenhuma oração cristã é lida - nem de trás para frente nem de frente para trás. Não são feitos nem sacrifícios nem orgias.

Relacionemos com as quatro estações do ano:




Durante o inverno, as árvores estão sem suas folhas, os animais se recolhem, os dias são muito curtos e as noites, longas.




Lentamente, conforme os dias vão ficando mais longos e a primavera se aproxima, a Natureza parece se espreguiçar.




É a época de preparar o solo. Com a chegada do verão, a Natureza explode em vida e fertilidade. É a época de semear.




Enquanto o ano continua sua roda, o outono chega e, novamente, as folhas começam a cair. É a época de colher e armazenar para o inverno que novamente se aproxima.


Mesmo que aqui, no hemisfério sul - principalmente no nosso país tropical e bonito por natureza - as estações não sejam tão claramente definidas, dá para observar as mudanças sutis que acontecem. É só prestar atenção. Quem já viveu ou passou longas férias no interior sabe disso. As estações, as épocas de preparar a terra, de semear, de plantar e colher são super bem definidas.


Os Sabbats


SAMHAIN - A Morte do Deus - Celebrado em 1o. de maio no hemisfério sul e em 31 de outubro no hemisfério norte (Obs.: a pronúncia é "Sôu-en");


YULE - Solstício de Inverno - Celebrado no primeiro dia do inverno (+ ou - 21 de junho no hemisfério sul e 21 de dezembro no hemisfério norte);


IMBOLC (ou Imbolg) - Celebrado em 2 de agosto no hemisfério sul e 2 de fevereiro no hemisfério norte;


EOSTAR (ou Ostara) - Equinócio de Primavera - Celebrado no primeiro dia da primavera (+ ou - 21 de setembro no hemisfério sul e 21 de março no hemisfério norte);


BELTANE - Celebrado em 31 de outubro no hemisfério sul e 1o. de maio no hemisfério norte

LITHA - Solstício de Verão (Mid Summer) - Celebrado no primeiro dia do verão (+ ou - 21 de dezembro no hemisfério sul e 21 de junho no hemisfério norte)

LUGHNASAD (ou Lammas) - Celebrado em 2 de fevereiro no hemisfério sul e 2 de agosto no hemisfério norte;


MABON - Equinócio de Outono - Celebrado no primeiro dia do outono (+ ou - 21 de março no hemisfério sul e 21 de setembro no hemisfério norte);


 

Não podemos deixar de lado o conceito de que as celebrações atuais são baseadas em rituais Celtas muito antigos com período muito maior do que os  2000 anos do cristianismo e que tiveram origem em uma época em que a atividade básica de subsistência era a agricultura.




SAMHAIN, Ano Novo Celta, em 1o. de maio.

Este Sabbat marca o início, o prenúncio da estação da morte: o Inverno. Representa a morte simbólica do Deus e, na Natureza, a estação menos fértil - a Deusa está sem seu consorte!

O Samhain também era a antiga festa celta dos mortos.


Na tradição céltica, o Samhain era a noite da morte e da ressurreição: os mortos precisavam esperar até esta data para fazer a travessia para o "País do Verão", onde a esperança de uma nova vida os aguardava - por isso, na Bruxaria, esta é a época em que e sabe que os véus entre os mundos ficam mais tênues. É um tempo de reflexão, de olhar para o que foi feito no ano anterior, e uma época de lembrar os antes queridos que já foram para outros planos.


A noite do Samhain é considerada, pelas Bruxas, como a noite de ano novo por esta conotação de "passagem" da morte para a promessa de uma nova vida de abundância.


A data do Samhain da tradição céltica era tão forte no hemisfério norte (31 de outubro) que foi adaptada pelo cristianismo, na Idade Média, e transformou-se na "noite de todos do santos", ou "noite de todas as almas" (Halloween, em inglês, é uma corruptela de All Hallows Eve, ou "noite de todas as almas"), celebrada até hoje...




YULE, sabbat elebrado na noite do Solstício de Inverno, perto de 21 de Junho.

Data em que ocorrem a noite mais longa e o dia mais curto do ano, e sendo o Sol uma das representações do Deus, o Yule marca a época do ano em que o Deus renasce - porque, a partir do Solstício, as noites ficarão progressivamente mais curtas, e os dias (a presença do Sol) mais longos.




IMBOLC, em 2 de agosto, Sabbat de purificação depois das privações do Inverno.

É uma época de celebração ao calor que aquece a Terra através do poder renovado do Sol, que renasceu da Deusa no Yule.

Os dias são mais longos e o início da Primavera pode ser sentido na Natureza, que parece se espreguiçar. É um festival de fogo, luz e fertilidade, em que as fogueiras e muitas velas são acesas, representando tanto a nossa própria iluminação pessoal quanto a luz e o calor que estão aumentando.





EOSTAR, marca o primeiro dia da Primavera (perto de 21 de Setembro).

As energias da Natureza sutilmente emergem do sono em que estiveram mergulhadas durante o Inverno. A Deusa cobre a Terra de promessas de fertilidade, enquanto o Deus - renascido no Yule - começa a passar da infância para a maturidade. Em Eostar, a duração da noite e do dia são iguais. A luz começa a vencer a escuridão; o crescimento do Deus e a receptividade da Deusa inspiram as criaturas na Terra a se reproduzir. É a época de iniciar, de agir, de plantar as sementes para o futuro.




BELTANE, em 31 de outubro, representa a entrada do jovem Deus para a idade adulta.

Estimulados pelas energias da Natureza, pela força das sementes e flores que desabrocham, a Deusa e o Deus apaixonam-se. Nesta data são celebrados rituais de fertilidade e imensas fogueiras são acesas.

As fogueiras de Beltane simbolizam o calor da paixão e a intensidade da interação entre a Deusa e o Deus, e a crescente fecundidade da Terra.




LITHA (perto de 21 de dezembro), é celebrado quando o poder e a força da Natureza chegam ao seu ponto mais alto.

A Terra está repleta e abundante com a fertilidade da Deusa e do Deus. Mais uma vez, são acesas fogueiras homenageando a energia do Sol, que atinge seu ápice: esta é a noite mais curta e o dia mais longo do ano.




LUGHNASAD, em 2 de fevereiro, é a época da primeira colheita, quando as sementes plantadas na Primavera dão os primeiros frutos ou geram outras sementes que vão assegurar os resultados futuros.

Mas o Deus começa a perder sua força e, assim, os dias começam a ficar mais curtos e as noites mais longas.




MABON (primeiro dia do Outono, perto de 21 de março), o Equinócio de Outonore presenta a plenitude da colheita iniciada no Lughnasad.

Mais uma vez, o dia e a noite têm uma duração igual. A Natureza começa a declinar, preparando-se para o Samhain que se aproxima, preparando-se novamente para o Inverno, a época do recolhimento... e para um novo ciclo que começa.


A celebração de cada Sabbat é uma experiência espiritual intensa e sublime que permite aos wiccanos permanecerem em equilíbrio harmonioso com as forças da Mãe Natureza.


Sabbat Hemisfério Sul Hemisfério Norte
Samhain 1 de Maio 31 de Outubro
Yule 21 de Junho (aprox.)* 21 de Dezembro (aprox.)*
Imbolc 1 de Agosto 2 de Fevereiro
Ostara 20 de Setembro (aprox.)* 20 de Março (aprox.)*
Beltane 31 de Outubro 1 de Maio
Litha 21 de Dezembro (aprox.)* 21 de Julho (aprox.)*
Lammas 2 de Fevereiro 1 de Agosto
Mabon 20 de Março (aprox.)* 20 de Setembro (aprox.


Literatura recomendada a venda em nosso acervo:


A VERDADE SOBRE A BRUXARIA MODERNA - Scott Cunningham.


A VERDADE SOBRE A BRUXARIA MODERNA - Scott Cunningham.  Gaia - 2003 - 182pg.

A VERDADE SOBRE A BRUXARIA MODERNA - Scott Cunningham.

Gaia - 2003 - 182pg.

"Uma vez que aprendemos o fundamental sobre as práticas e crenças Wiccanianas, vivenciar a nossa religião é, logicamente, o próximo passo. Como permitir que ela influencie as nossas vidas depende completamente de nós.

Escrevi este livro como um guia e não somente à Prática Wiccaniana, mas para a Vida Wiccaniana. Entretanto, seus conteúdos são meramente idéias e sugestões. Cada um de nós tem que encontrar o seu caminho perfeito. Que a Deusa e o Deus lhe ajudem nesta busca."

SUMÁRIO

Prefácio; Introdução;  PARTE I - MAGIA POPULAR; A magia do povo; O encantamento; Instrumentos de poder; Não prejudique ninguém; Outras formas de magia; Rituais simples de magia popular; PARTE II - WICCA; A religião da Wicca; A Deusa e o Deus: os aspectos divinos da Wicca; Iniciação; Tradições Wiccanas; Instrumentos rituais; Círculos e altares; Dias de poder: Sabbats e Esbats; Magia Wiccana; Nudez, sexo e Wicca; Perigos e problemas; Um ritual Wiccano; PARTE III - RESUMO; Surge a consciência; Rumo à Luz; Glossário; Bibliografia anotada.


DADOS DO LIVRO: Brochura, capa flexível, folhas fixas, texto íntegro, miolo em ótimo estado de conservação.


************************************************


ORIGENS DA BRUXARIA MODERNA - Ann Moura.

 

A evolução de uma religião pelo mundo.

ORIGENS DA BRUXARIA MODERNA - Ann Moura.

A evolução de uma religião pelo mundo.

Editora Gaia - 2001 - 256pg.

SUMÁRIO

Em reconhecimento. Onde entram os pagãos?; Notas da autora; Introdução; CAPÍTULO 1 - O berço da civilização balançou primeiro na Índia; CAPÍTULO 2 - AUM e UMA: as divindades fundamentais das religiões Pagãs e Não-pagãs; CAPÍTULO 3 - Arianos ortodoxos e Sind; CAPÍTULO 4 - As raízes pagãs se entrelaçam na Eurorpa; CAPÍTULO 5 - As marcas registradas do Paganismo europeu: Faerie e Asatru; CAPÍTULO 6 - As raízes entrelaçadas do cerimonialismo e da Wicca; CAPÍTULO 7 - Desafios do Neopaganismo e da Wicca no século XXI; CAPÍTULO 8 - Revendo o passado para revelar o futuro; Apêndice: Cronologia; Glossário; Índice.
DADOS DO LIVRO: Brochura, capa flexível, folhas fixas, texto íntegro, miolo em ótimo estado de conservação.


***********************************


BRUXARIA E MAGIA NA EUROPA - Daniel Ogden, Georg Luck, Richard Gordon e Valerie Flint.


BRUXARIA E MAGIA NA EUROPA - Daniel Ogden, Georg Luck, Richard Gordon e Valerie Flint.  Grécia Antiga e Roma.  Madras - 2004 - 320 pg.


BRUXARIA E MAGIA NA EUROPA - Daniel Ogden, Georg Luck, Richard Gordon e Valerie Flint.

Grécia Antiga e Roma.

Madras - 2004 - 320pg.

Você sabe como a "demonização" política da magia no fim do Império Romano se compara à associação da Bruxaria com o diabo? Sabe por que a magia chamou a atenção dos imperadores e príncipes?  Será que eles não estavam mais satisfeitos em governar apenas os corpos e o trabalho de seus súditos, querendo controlar também suas paixões e credos? É possível que a magia antiga tenha sido afetada pelas várias influências de uma multiplicidade de deuses e cultos pagãos? Os gregos realmente acreditavam em seus mitos?

Essas e muitas outras indagações serão respondidas em Bruxaria e Magia na Europa - Grécia Antiga e Roma, um livro que se vale de filosifia, direito e religião para fazer um percurso na história da Bruxaria, abordando desde a era heróica de Homero até o fim do império ocidental de Augustino e Teodósio.

Encantamento sde amarração: placas de maldições e bonecas de vodu nos mundos gregos e romano; Bruxos, bruxas e feiticeiros na literatura clássica; Magias imaginativas grega e romana; Demonizando a magia e a feitiçaria na antiguidade Clássica: redefinições cristãs das religiões pagãs - estes e muitos outros assuntos são o ponto de partida deste livro que traz um registro histórico a respeito da Bruxaria e da Magia na Europa.

DADOS DO LIVRO: Brochura, capa flexível, folhas fixas, texto íntegro, miolo em ótimo estado de conservação.{#emotions_dlg.star}


 

 


publicado por Ana Romero às 03:03
link do post | comentar | favorito
Sábado, 3 de Setembro de 2011

Se Alguém te falar: "Te Pego no Astral"...Há Grandes Possibilidades de Acontecer!

 Um dos temas mais lidos. É também um dos meus preferidos.

 

 

 

{#emotions_dlg.sol}  Quando acontece aqui já está vibrando em outros Planos...no Astral!

 

Existe cidades, localidades, vida social, construções fantásticas, igrejas, hospitais, convenções, palestras, escolas, trabalho, moedas, alimentação.

 

E tem os que dizem que vai-se para um descanço!

 

 

 

 

 

Nestas cidades espirituais há toda uma administração organizada, seres que cuidam de todos os setores da vida nessas comunidades espiritiuais, mantendo a vida em perfeita concordância com os princípios crísticos, para garantirem a evolução de todos. Os espíritos mais evoluídos destas colônias tem funções mais elevadas, e, assim, tem condições de dirigirem e orientarem, sempre para o bem comum, a vida de todos.

 

 

 

 

Em algumas colônias, existe geralmente um Governador Espiritual, chefe maior da colônia, vários Ministros, etc. Deixamos claro que tudo depende do nível evolutivo da colônia e de como se organizam. Há cidades espirituais que se organizam de forma completamente diferente. 

 

 

 

Quando viajamos no plano material, havemos de atravessar um espaço: metros, quilômetros, léguas, anos-luz. Mas no plano astral, quando se viaja, atravessam-se graus de vibração; isto é, passa-se de um alto grau de vibração a um mais baixo ou vice-versa. E estes variados planos ou sub-planos de energia vibratória constituem as condições geográficas do mundo astral. Há vários planos e sub-planos ou “regiões” do mundo astral, onde se pode viajar, porém toda viagem astral se opera simplesmente pela transição de um grau de vibração a outro, muda-se o foco da consciência de um nível para outro.

 

 


O plano astral é muito maior do que o físico e se estende alguns milhares de quilômetros acima de sua superfície. As divisões inferiores em torno de três (3) são semelhantes a da terra, principalmente a sexta, com suas construções, e sociedade, mas na medida que vai aumentando as vibrações e ascende a quinta e quarta divisão a vida se torna menos material e menos dependente do mundo inferior e seus interesses. 




Cada objeto material, cada partícula, tem o seu duplicado no astral. Quando saímos no corpo astral penetramos neste mundo duplicado, de acordo com a vibração podemos ficar próximo do mundo físico. 

 

 

 

Um espírito obsessor ou um mago negro podem assumir formas horrendas e até criar um ambiente "sinistro" em volta daquele que deseja aterrorizar. Muitos pesadelos (não todos) são reflexos da influência mental desses vigorosos trabalhadores das trevas.

  

 

 

Um espírito amigo, por exemplo, pode se mostrar luminoso, modificado em sua aparência em um momento de auxílio. Ele pode tomar a forma que possuiu em uma encarnação anterior.

É o exemplos dos vovôs, vovós, pretos velhos e outros que na Umbanda se expressam com a aparência que tiveram em uma vida anterior, e, no entanto, se mostram com outra aparência em uma reunião que por ventura participem em um centro espírita.

 


 

Logo, "Te Pego no Astral" pode ser de várias formas, dependendo do nível de frequência...Lembrando: "assim é em cima como é embaixo"{#emotions_dlg.lua}

 

 

 

oficinadabruxa@terra.com.br 

http://www.olx.com.br/userlistings/BRUXAPOA

 

 

 


publicado por Ana Romero às 21:19
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 5 de Agosto de 2011

Enlouquecemos Estudando as Conecções...Física Quântica....O Salto!

{#emotions_dlg.sol}“Toda matéria surge e existe apenas em virtude de uma força que leva as partículas de um átomo a vibrar e manter coeso esse diminuto sistema solar que é o átomo. Temos de aceitar a existência de uma mente consciente e inteligente por trás dessa força. Essa Mente é a matriz de toda a matéria”. 

Max Planck

 

 

 

 

A ciência já provou através da física quântica que somos energia e que estamos todos conectados através de nossa vibração.

Vivemos num universo de vibração e nossos corpos são feitos a partir da vibração da energia que emanamos constantemente.

Durante muito tempo achava-se que a menor partícula de uma célula, o átomo era feito de matéria. Depois descobriram que na verdade a maior parte de um átomo é vácuo, então achava-se que o núcleo que é muito pequeno seria material.

No nível microscópio, nada é material, tudo é vibração, tudo é feito de energia condensada.

 

 

 

 

 

 

A física quântica já foi apelidada de Física das Possibilidades, por nos dizer que tudo o que imaginamos encontra-se disponível como uma das possibilidades que vamos assimilar em nossas vidas. A partir desta perspectiva, nossa oração baseada nos sentimentos deixa de ser “algo por obter” e se converte em “acessar” o resultado desejado, que já está criado no mundo vibracional (quântico, atômico) das infinitas possibilidades.

Tudo o que pensamos, vibrando, com emoção, acontece, precipita.

 

 

 

Ou seja, nada é impossível, quando temos um desejo sincero, este desejo torna-se parte das nossas possibilidades futuras no nível quântico e só precisamos sintonizá-lo. Só devemos “atrair” a que desejamos através do pensamento.

Então já que a ciência atual consegue provar através da teoria quântica que pensamento é energia, que toda energia tem uma vibração e que a vibração cria o mundo material, nossos corpos e todo o restante ao nosso redor foi e continua sendo criado através das nossas mentes coletivas.

 

 

 

 

Também sabemos que a luz é uma fonte de energia, então cabe a indagação: A que estão conectadas as partículas de luz? Estudiosos dizem  que estamos sendo levados a aceitar a possibilidade de que existe um NOVO campo de energia e que o DNA está se comunicando com os fótons por meio deste campo.

 

 


 

 

 “A física quântica nos apresenta a possibilidade de “criarmos” uma existência saudável para o nosso corpo e redefinir antigas profecias de devastação e mortandade. As últimas descobertas da física quântica apóiam esses princípios, que devolvem a credibilidade ao papel das preces em massa e às antigas profecias.”

 

 

 

 

“O efeito” da oração e da meditação em massa foi documentado por estudos feitos em grandes cidades, nas quais a ocorrência de crimes violentos diminuiu de maneira mensurável devido a vigílias contínuas de paz, mantidas por pessoas treinadas para esse propósito”. (Jornal da Resolução de Conflitos 32, n° 4 –dezembro de 1988, do Projeto Internacional para a Paz no Oriente médio).

 

 

O efeito da oração ativa não deriva das palavras que são ditas; sua força são os sentimentos que elas evocam. O segredo da oração ativa está na união do pensamento com a emoção, a verdadeira energia que dá vida às palavras, para que desta união surja o sentimento de paz. Isto só acontece quando a prece se torna um agradecimento. A gratidão é o agradecimento por um desejo já realizado. Aqui está o grande mistério da oração: ela provoca uma mudança quântica. O futuro se faz presente. O desejo se vê realizado. A alma se pacifica porque ela está no agora, no âmago das forças angelicais da criação.{#emotions_dlg.lua}

 

 

oficinadabruxa@terra.com.br

 

http://www.olx.com.br/userlistings/BRUXAPOA

 

 

 

 



publicado por Ana Romero às 20:39
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 21 de Junho de 2011

O Livro - Do Entalhe na Pedra à Impressão em Papel

A primeira máquina de impressão apareceu em 1450. O alemão Johann Gutenberg foi o criador. A história do livro, a impressão em série é só uma parte de grandes inventos e descobertas para chegar-se à boa leitura.

Pegue um livro. Qualquer um. Aquele que está mais perto. Pode imaginar que esses poucos gramas de papel e tinta poderiam estar em suas mãos na forma de pesadas lascas de pedra ou compactas lâminas de argila? Ou, ainda, que poderia estar recebendo as informações nele contidas através de grandes sinais de fumaça na linha do horizonte? E os tambores? Alguém esqueceu deles?

 

 

 

O alfabeto foi inventado na Mesopotâmia há aproximadamente 5.500 anos. A escrita em couro, papiro, pergaminho e no papel ? que surgiu na China ? ganhou proporções imensuráveis com a invenção do prelo: a máquina de impressão.

 

 

Em tipos de metal, as letras eram organizadas como um grande carimbo. As letras formavam palavras que formavam frases, sentenças e, assim, prensadas sobre papel, página a página, aparecia o livro.


 

 

No início as folhas eram vendidas soltas, empacotadas e, quem as adquirisse tratava de encadernar a seu gosto. Mesmo com um caminho longo, o livro continua com a função primordial de armazenar os acontecimentos do mundo; registrar e dissipar todo e qualquer evento ocorrido no universo. 

 

 

 

 

 

Hoje, com a evolução tecnológica, a impressão faz parte do nosso dia-a-dia. Passou a ser uma atividade doméstica e o livro, em grandes tiragens, com facilidade chega às mãos dos leitores. Independente do seu conteúdo traz, intrínseco, o valor de uma das grandes criações humanas, aquela capaz de, por milênios guardar a memória da civilização.

 

 

Voltando ao livro que tem em mãos, não precisará nem abri-lo para reconhecer o seu elevado valor, pois é um representante concreto seja da imaginação ou descrição de fatos, verdadeiro ícone da evolução da inteligência humana. {#emotions_dlg.lua}

 

 

 

 

oficinadabruxa@terra.com.br 

 

 

http://www.olx.com.br/userlistings/BRUXAPOA 

 

 

 

 

 

 

 

 


publicado por Ana Romero às 01:45
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 30 de Maio de 2011

ESOTERISMO

 

 

{#emotions_dlg.sol}

 

Esoterismo é a junção das verdades contidas nas ciências ocultas e nas religiões, que visa em diversos aspectos, trazer para os seres humanos que buscam, o auto-conhecimento.  

 

 

 

 

As artes do tarô, da numerologia, da quiromancia e da astrologia que fazem parte do esoterismo, desvendam o futuro. Quando alguém visando conhecer seu futuro, faz uso dessas artes, está conhecendo a si mesmo, pois está conhecendo seu próprio futuro.

A metafísica ensina ao ser humano de onde veio, para onde vai, onde está e sua relação com o cosmos, ensinando o homem sobre si mesmo.  

 

A evolução espiritual ensina o ser humano a conhecer seus defeitos, qualidades, pensamentos e sentimentos, fazendo-o na mais intima busca, conhecer a si mesmo. A evolução espiritual é, entre as outras formas de auto-conhecimento, a mais importante, pois conhecendo nossos defeitos, podemos corrigi-los, conhecendo nossas qualidades, podemos ter uma auto-estima verdadeira, conhecendo nossos pensamentos e sentimentos, podemos lidar de uma forma melhor e mais satisfatória com o mundo e conosco, e assim podemos ser mais felizes.  

 

 

De acordo com o mestre Sanat Kumara, O Ancião dos Dias, integrante da Grande Fraternidade Branca, as melhores formas de evoluir espiritualmente são: o Budismo, a Yôga, a psicoterapia com psicólogo, a meditação e a Logosofia.

Existem ainda outras formas de evoluir espiritualmente, como por exemplo a Alquimia e o Tai Chi Chuan, porém são mais lentas e menos efetivas.     

 

O conhecimento esotérico foi sendo trazido aos poucos para os seres humanos através da descoberta de sábios e alquimistas, entidades superiores espiritualmente que entram em contato com o homem e passam esses conhecimentos, extraterrestres que fazem a mesma coisa e por pessoas que evoluíram tanto suas almas que chegaram a ascensão (ou nirvana) e se identificam com a sabedoria divina.

Isso não significa que o conhecimento esotérico está completo, pois ele ainda está sendo desenvolvido.  

 

 "Pode-se imaginar o conhecimento das leis universais como se fosse uma "cebola": uma esfera feita de várias camadas. O interior (miolo) da "cebola" seria o "Círculo Esotérico" (com "s"), a que somente poucos "Mestres" têm acesso. A parte externa da "cebola" seria o "exotérico" (com "x" - exo=externo), a única parte a que a grande maioria da população tem acesso. Como exemplo, qualquer ritual de qualquer religião, no qual a pessoa apenas repete mecanicamente o que os "mais entendidos" dizem para fazer, pertence ao círculo exotérico. Ou seja, está ligado ao Conhecimento, mas sem que a pessoa "entenda" o que está fazendo. Existem vários graus, assim como existem várias camadas na "cebola". A profundidade que cada um atinge depende de sua evolução no Conhecimento". 
(Amauri Magagna, astrólogo, São Paulo) 

 

{#emotions_dlg.online}Sugestões de Leitura:

 

 

 

 

 

O ESOTERISMO - Luc Benoist.

Coleção Saber Atual

Difusão Européia do Livro - 1969 - 128pg.


PRIMEIRA PARTE: PERSPECTIVAS GEAIS: Exoterismo e esoterismo; Os três mundos; Intuição, razão, intelecto; A tradição; O simbolismo; Rito, ritmo e gesto; A iniciação; O centro e o coração; Grandes e pequenos mistérios; As três vias. Castas e ofícios; Os contos populares; O mundo intermediário; Misticismo e magia; Ação, amor, beleza; A grande paz. A prece do coração; Os lugares e os estados; O tempo qualificado. Os ciclos; A identidade suprema. O avatara eterno.

 

SEGUNDA PARTE: FORMAS HISTÓRICAS; O Oriente; A tradição hindu; O budismo; O taoísmo chinês; O budismo zen; A tradição hebraica; A tradição islâmica; O Ocidente; O esoterismo cristão; O hesiquiasmo ortodoxo; Os Templários Fiéis do Amor, Rosa-Cruz; A cosmopologia hermética; A Companheiragem e a Maçonaria; Os teósofos; O tradicionalismo romântico; O renascimento oriental. Conclusão; Bibliografia sumária.


DADOS DO LIVRO: Brochura, capa flexível, folhas fixas, texto íntegro, miolo em ótimo estado de conservação.

 

 

 *********************************************************************

 

 

 

 

   

 

O ESOTERISMO COMO PRINCÍPIO E COMO CAMINHO - Frithjof Schuon.

Pensamento - 1997 - 226pg.

 

Composto de ensaios relativamente independentes uns dos outros, pois de conteúdo bem diversificado, este livro contém os elementos necessários para uma possível definição do esoterismo no sentido mais amplo do termo, ou seja, o esoterismo aplicado aos diferentes aspectos da existência humana.

 

Não se trata, contudo, de um tratado sistemático sobre a matéria, o que quer dizer que o livro versa igualmente sobre assuntos que extrapolam os limites do campo esotérico, ao qual se integram, porém, graças à perspectiva particular do autor.

 

Uma consulta rápida ao sumário logo nos dará conta da grande diversidade e do interesse dos temas tratados. Além de um paralelo final entre o sufismo - "a religião do coração" - e o cristianismo, temas como "o papel das aparências" - "a função das relíquias", "a criteriologia elementar das aparições celestes", "os fundamentos de uma estética integral", entre outros, são analisados segundo a óptica particular do autor, para quem o esoterismo não está apenas na escolha das idéias, msa também na maneira de encarar as coisas.


DADOS DO LIVRO: Brochura, capa flexível, folhas fixas, texto íntegro, miolo em ótimo estado de

conservação.

 

 *********************************************************************************************

 

 

 

O ESOTERISMO - Pierre A. Riffard

O que é esoterismo?

Antologia do esoterismo ocidental

Editora Mandarim - 1996 -  848pg


O que significa viver na Idade Média? A peste e a violência reinam. Os sentimentos são tumultuosos e variáveis. Os cavaleiros batalham pela honra; camponeses e artifices se esforçam para sobreviver e servir os clérigos e os cavaleiros; os burgueses asseguram sua fortuna. A sociedade medieval se organiza em três ordens: os sacerdotes, os guerreiros e os camponeses. Mas cada ordem possui a sua iniciação(...)

 

Segundo J. Grisward, o próprio Artur teve de passar pelas três provas que correspondem às três funções sociais: como sacerdote, ofereceu uma resposta sábia e justa; como guerreiro, desembainhou a espada; como trabalhador, distribuiu igualmente as riquezas. O homem medieval vive num mundo impregnado de imaginação, povoado de vontades obscuras, de poderes desconhecidos. Ele está obcecado pelas posições brutais: o inferno e o céu; o mal e o bem; Satã e Deus.

 

O presente volume, intitulado O esoterismo, compreende duas partes: a primeira apresenta uma abordagem do esoterismo em geral; a segunda, uma antologia do esoterismo ocidental. A antologia não abrange mais do que um território restrito, praticamente a Europa. Se o público acolher favoravelmente este volume e se eu conseguir resolver certas dificuldades de documentação e da tradução, um segundo volume será publicado: O esoterismo oriental, que dissertará sobre a China, o Japão, O Irã, a Índia, o Tibete, e ainda sobre as iniciações africanas, o xamanismo e o mana polinésio.

 

**************************************************************************************

 

{#emotions_dlg.star}Veja se esses e outros títulos estão disponíveis em nosso acervo através do contato:

 

oficinadabruxa@terra.com.br 

http://www.olx.com.br/userlistings/BRUXAPOA {#emotions_dlg.lua}

 

 

 

 


publicado por Ana Romero às 01:27
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 26 de Maio de 2011

Terapias Alternativas - Cristais - Sugestões de Leitura

Esoterismo  - Cristais -  Um dos Quatro Elementos

Aproveite a Energia de Sua Pedra de Cristal

 

 

 

Os Cristais de quartzo, em estado bruto ou lapidado são, desde tempos incontáveis, reconhecidos pelo homem. Por sua beleza, utilidade e energia, têm valor econômico ou simbolizam status e poder.  

 

Mercedes totalmente coberta por cristais. 

 

As pedras, utilizadas como matéria-prima para utensílios domésticos, armas, jóias ou até para a pigmentação em maquiagem e vestuário, sempre tiveram lugar garantido junto à humanidade nas mais remotas civilizações.   

 

 E, pela durabilidade e capacidade de armazenar registros, deverão acompanhar tecnologicamente o homem num longo futuro, considerando a preservação de seus veios naturais.    

No esoterismo, os cristais são a representação do elemento terra trazendo a energia da vida, da criação e da abundância. Na convivência diária com os cristais, se bem cuidados e bem utilizados, sua energia é uma forte aliada nas mais variadas circunstâncias. Cada tipo de cristal tem características próprias servindo para determinadas finalidades.

 

  

 

 

Porém, o importante é que, ao primeiro contato com seu cristal, seja ele qual for, registrar, imprimir a sua energia e a intenção de estar com ele. O seu pensamento e a sua vibração são a "ignição" para seu cristal começar a agir. 

 

A partir daí poderá usá-lo em salas de reuniões (para harmonização); entrada da casa (como proteção); na carteira (como um atrativo para prosperidade), como amuletos e talismãs e, entre outros lugares, junto ao seu computador servindo como um filtro protetor que lhe permite acessar às informações sem ser prejudicado pelas energias magnéticas dos equipamentos ou importunas e nefastas, por vezes, advindas das próprias informações.

   

Outra grande utilização das pedras é nas terapias alternativas onde são dispostas como auxiliares nos tratamento e intenções de cura.

  

Assim, acredita-se os cristais são capazes de armazenar registros do conhecimento de muitas civilizações, tornando-se grandes companheiros e mestres que, mesmo silenciosos, podem alterar positivamente ambientes, transformar energias e facilitar a harmonização de quem vê e sente seu brilho real. 

 

 

 


 

 

 

 Leia mais: {#emotions_dlg.star}

Iniciação À Magia Dos Cristais - Richman, Gary e Barbosa, Gustavo

 

 

 

 

 A CURA PELOS CRISTAIS - Katrina Raphaell.

 

 

 

 

 

 

 Veja se esses e outros títulos estão disponíveis em nosso acervo através do contato:

oficinadabruxa@terra.com.br

http://www.olx.com.br/userlistings/BRUXAPOA

 

 


 


publicado por Ana Romero às 02:08
link do post | comentar | favorito

BRUXAPOA - Sebo Loja Virtual

{#emotions_dlg.online}Destaque: Os Crimes Dos Papas - Lachatre, Maurice 

 

Mistérios e Iniqüidades da Corte de Roma. Mortes, envenenamentos, parricídios, adultérios, incestos, libertinagens e torpezas dos pontífices Romanos. Desde S. Pedro até o Século IX Crimes dos Reis, das Rainhas e dos Imperadores. Através dos Séculos. Madras - 2005 - 435pg.

 

 

 

 

OS CRIMES DOS PAPAS - Maurice Lachatre.

Mistérios e Iniqüidades da Corte de Roma.

Mortes, envenenamentos, parricídios, adultérios, incestos, libertinagens e torpezas dos pontífices Romanos.

Desde S. Pedro até o Século IX

Crimes dos Reis, das Rainhas e dos Imperadores.

Através dos Séculos.

Madras - 2005 - 435pg.

Mortes, envenenamentos, parricídios, adultérios, incestos. Será que você realmente conhece a história dos Pontífices de Roma?

Há séculos, o orgulho e a ambição guiavam os que se intitulavam "representantes de Deus na Terra", trazendo fome, desgraças, massacres e submetendo os seguidores de Cristo, o povo, às mais execráveis vontades de verdadeiros tiranos escondidos sob suas vestes eclesiásticas. Naquela época, a ignorância e o fanatismo religioso obscureciam a sabedoria das nações, incapazes de julgar Política e Igreja, que impeliam às mais terríveis guerras em nome de Deus, mas cujo fim único era a sustentação de suas ambições e poder.

Os Crimes dos Papas vem revelar ao público como os pactos sacrílegos entre os papas e os reis estão intimamente ligados às mais terríveis desgraças da Europa, durante os séculos dominados pela tirania e pelo fanatismo.

Obra de Lachatre é um marco fundamental não somente na História da Igreja mas, principalmente, na História da Humanidade. Reconstrua a História com este livro, você vai se surpreender!


DADOS DO LIVRO: Brochura, capa flexível, folhas fixas, texto íntegro, miolo em ótimo estado de conservação.

VALOR DO FRETE: R$ 9,00(registrada - para qualquer parte do Brasil)

IMPORTANTE: POR FAVOR, LEIA. 

 

  • Trabalhamos com correspondências registradas. Podem ser rastreadas; 
  • Não trabalhamos com Sedex a cobrar; 
  • O Frete é pago pelo comprador;
  • Não trabalhamos com trocas; Não reservamos exemplares;
  • Trabalhamos com Depósito Bancário; com os seguintes Bancos:Banrisul, Banco Real, Bradesco, Banco do Brasil e CEF.
  • Enviamos o livro pelos correios, imediatamente à confirmação do depósito;
  • O envio é pelos correios, mesmo para Porto Alegre;
  • Enviamos nossos produtos para o exterior;
  • Esclareça suas dúvidas. 
Veja se esse e outros títulos estão disponíveis em nosso acervo através do contato:
oficinadabruxa@terra.com.br
http://www.olx.com.br/userlistings/BRUXAPOA{#emotions_dlg.lua}

publicado por Ana Romero às 00:10
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Domingo, 13 de Setembro de 2009

Livros Usados em Livraria Virtual - Antigos Viram Novidade.

Sebo virtual, versão informatizada das livrarias de livros usados, embora pareça estar distante do usuário, é um meio de se ter muitos títulos, em várias lojas, mantendo o charme de se desfrutar obras de trajetória histórica, muitas vezes de edições esgotadas e raras.  

 

 

 

 A aquisição de livros usados, outrora visto como um meio de estudo e lazer com baixos custos tornou-se um hábito sócio-cultural de requinte e ecologicamente correto. O surgimento dos sebos vem de longa data havendo controvérsia sobre a origem do termo. Há a afirmação de que o termo sebo apareceu com os livros de segunda-mão, passados de estudante para estudante, que absorviam a gordura dos dedos ao serem folheados. A outra defesa é de que sebo vem de saber, sabedoria, sabento, tendo a grafia modificada com o passar dos tempos.

No Dicionário Aurélio, encontramos algumas definições. Por exemplo: Sebo - Bras. Livraria onde se vendem livros usados; sebenta - apostila litografada para uso dos estudantes na Universidade de Coimbra; sebista - proprietário de sebo e, ainda, o termo no sentido figurado, garimpeiro como sendo o explorador de preciosidades literárias ou lingüisticas.

 

O Garimpeiro...encontrando jóias!

 

 

 

 

É importante, mesmo nos sistemas virtuais, aproveitar ao máximo o contato com o livro. Através do livro antigo, muitas vezes, ao rápido olhar tão somente na capa, quantas lembranças, idéias e sentimentos são resgatados. Portanto, fazer perguntas, buscar informações e dados curiosos de cada obra deve ser a atitude substituta do ato de virar páginas, examinar o conteúdo, sentir a textura, o cheiro do papel. A garimpagem virtual... Esse novo comportamento tem resultado em facilidades para estudos, pesquisas e divertimentos. A aquisição de livros usados via internet possibilita a acessibilidade á edições esgotadas, não mais disponíveis; contato com gramáticas e linguagem de época; oferece concentrada variedade de títulos; racionaliza tempo; economia financeira; reforça atitudes ecológicas, traz o contato com obras e autores consagrados, quem sabe, descobertas de insistentes buscas em porões de famílias em mudança ou de velhas bibliotecas cujas prateleiras estão sendo substituídas por monitores de alta definição.

 

 

 

 

 

  

 

 A chegada do livro que se garimpou virtualmente é algo glamouroso. É aí que espaços se preenchem que a imaginação se concretiza. Com o livro usado isso se torna mais forte, pois, aos gramas de papel e tinta adiciona-se o peso da história, a inteligência do autor de obras extintas, a recompensa pela pesquisa e aquisição de títulos muitas vezes seculares. E, tudo isso, como resultado da soma de hábitos antigos ao vigor e amplitude da evolução tecnológica.

 

Agora é só deixar a jóia encantá-lo! Ana 

 

 

 


publicado por Ana Romero às 20:30
link do post | comentar | favorito

.Saiba mais BRUXAPOA - LIVROS


. ver perfil

. seguir perfil

. 1 seguidor

.pesquisar

 

.Julho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Livros Novidades

. Pensou, aconteceu! Você é...

. As Energias Soltas no Ar....

. OUTUBRO...COMEMORAMOS BEL...

. Se Alguém te falar: "Te P...

. Enlouquecemos Estudando a...

. O Livro - Do Entalhe na...

. ESOTERISMO

. Terapias Alternativas - C...

. BRUXAPOA - Sebo Loja Virt...

. Livros Usados em Livraria...

.arquivos

. Julho 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Setembro 2009

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs

.subscrever feeds